Cicloturismo

O cicloturismo vem crescendo no país há, a pelo menos, cinco anos, mas a pandemia ampliou esse ritmo. Para muitos é um estilo de vida, e chega ao ponto de muitos deles fazerem longas viagens, até por diferentes países, sempre indo de bicicleta

Não existem regras quando chega a hora de andar de bicicleta e simplesmente pedalar sem nenhuma pressão e apenas aproveitar os sons e cheiros maravilhosos da Natureza.

Existem possibilidades perto de médias e grandes cidades que são ótimas para um passeio de fim-de-semana.

A vontade de retomar contato com a natureza na pandemia tem aumentado a demanda por passeios de bicicleta no país. Para atender à procura, operadoras estão criando ou customizando pacotes para famílias, reforçando locais e roteiros para quem já está acostumado com a atividade fora do país.

A característica básica é percorrer longas distâncias com a bicicleta, já que para pequenas distâncias seria chamado passeio ciclístico.

A viagem de bicicleta será considerada “cicloturismo de aventura” todas as vezes em que o trajeto escolhido passar por regiões desoladas ou de alto risco.

O serviço inclui, geralmente, lanches, refeições, carro de apoio, guia especializado e hospedagens. Mas, a depender da agência, há também a possibilidade de alugar bicicletas (também elétricas) e, até incluir o pet no roteiro.

Temos circuitos nacionais pelo: Rio de Janeiro, litoral de São Paulo, por várias regiões de Santa Catarina e muito mais. E, também, circuitos internacionais por: Portugal, Itália, Bélgica, França, Holanda e outros países.

E aí, gostaria de se aventurar nesse tipo de passeio?
Temos circuitos para toda a família , com vários graus de dificuldades.

👉Se isso não for para você, indique para um amigo que você sabe que gosta desse tipo de passeio.

Fonte: @ybytu_

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três + 13 =