Bate e volta: como fazer uma viagem de carro segura quando a pandemia passar?

Os cuidados redobrados com a higiene e o uso de alguns equipamentos, como as máscaras, devem ser mantidos por um bom tempo, alerta médico

Considerado mais seguro por transportar um menor número de passageiros, o carro particular virou o meio de transporte escolhido por muitas pessoas que precisaram se locomover ou até fazer uma viagem urgente durante a pandemia. Mesmo assim, cuidados básicos devem ser tomados ao viajar de carro, como a higienização dos volantes, do painel e do câmbio do veículo. E quando as viagens de carro forem liberadas novamente? É provável que aquele bate e volta ganhe novas regras de segurança.

Em entrevista ao iG Turismo , Nelson Douglas Ejzenbaum, médico pediatra membro da Academia Americana de Pediatria, faz diversas recomendações que devem ser seguidas ao viajar de carro , mesmo quando o isolamento social feito para frear o novo coronavírus (Sars-Cov-2) estiver mais brando.

1. Atenção para a limpeza no interior do veículo

Pessoa higienizando o volante do carro com álcool e um pano descartável.
Reprodução/Shutterstock

Higienizar o interior do carro é importante para diminuir as chances de contrair uma doença

Ainda mais importante atualmente devido à pandemia do novo coronavírus , a higienização do carro deve ser mantida quando a proliferação da doença for controlada.”É importante manter o interior do veículo limpo, desde o volante e o painel do carro até os tapetes, eliminando qualquer possibilidade de contaminação”, explica Nelson.

O médico pediatra ainda recomenda que, antes de entrar no carro, os passageiros e o motorista também se higienizem. ”Ao entrar no carro, é importante que as mãos e as solas dos sapatos estejam higienizadas, diminuindo o risco de levar o vírus para o veículo”.

2. Cuidados durante as paradas

homem carregando sacola para dentro do carro enquanto utiliza uma máscara respiratória
Reprodução/Shutterstock

A higienização de produtos adquiridos durante a viagem é outro ponto importante para prevenir qualquer contaminação

As paradas feitas em postos de gasolina, mercados de conveniência e em drives-thru de restaurantes de fast food também devem ser feitas com muito cuidado, mesmo quando as recomendações de isolamento social  caírem.

”Hoje, o recomendado é que o motorista e os passageiros não saiam do carro durante a viagem, diminuindo ao máximo o risco de contaminação pelo novo coronavírus, e caso haja a necessidade de sair do carro, o uso de máscara respiratória e a higienização das mãos ao voltar para o veículo é essencial”, diz o médico.

De acordo com o pediatra, essas recomendações ainda serão válidas quando a população puder viajar novamente. ”Até que o número de infectados seja controlado, ainda haverá a possibilidade de a pessoa ser infectada pelo novo coronavírus, então é importante que os cuidados continuem sendo tomados”.

3. O uso de máscaras respiratórias ainda será necessário?

Homem utilizando máscara enquanto dirige seu carro
Reprodução/Shutterstock

Mesmo depois ao fim do isolamento social, Nelson Douglas alerta para a importância de uso de máscaras respiratórias dentro do carro

Atualmente, o uso de máscaras respiratórias é essencial caso uma pessoa necessite sair do seu círculo de isolamento, mas e quando a pandemia acabar? O uso de máscaras respiratórias ainda será recomendado? E durante uma viagem de carro?

A regra reforça os cuidados já citados. Os vírus continuarão circulando e a fase pós-pandemia vai pedir cuidados para evitar uma nova onda de contaminação quando as regras de isolamento se afrouxarem.

”Mesmo quando as viagens forem permitas novamente, é importante que o uso de máscaras respiratórias seja feito caso o motorista ou algum passageiro não faça parte do mesmo círculo social”, alerta Nelson.

4. E as luvas descartáveis?

pessoa dirigindo seu carro utilizando luvas descartáveis
Reprodução/Shutterstock

Em alguns casos vale também manter o uso de luvas descartáveis para se proteger no futuro

O maior cuidado é no momento atual. ”As luvas, que devem ser descartadas logo após o seu uso, devem ser usadas apenas se o motorista ou os passageiros precisarem entrar em contato com superfícies fora do veículo”, diz o médico. ”Caso o motorista não vá sair do carro, não vejo a necessidade no uso de luvas descartáveis”, completa.

O alerta deve seguir no futuro. ”Mesmo ao fim do isolamento social, é importante que as pessoas se protejam do vírus, que ainda pode estar presente em diversas superfícies”, explica Nelson. ”Se o motorista ou o passageiro não tiver nenhuma luva, é importante que as mãos sejam higienizadas, seja com álcool em gel ou lavando as mãos, ao sair e antes de entrar no carro”, finaliza.

Fonte: https://turismo.ig.com.br/

 

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × dois =