Confira 12 viagens em trens de luxo para desbravar o mundo

Fazer uma viagem a bordo de um trem de luxo está entre as experiências mais incríveis do mundo

Além de possibilitar que o viajante aprecie paisagens deslumbrantes através de suas janelas, o transporte oferece uma espécie de hotel cinco estrelas sob os trilhos. Com quartos luxuosos e privativos, restaurantes, bares e até mesmo bibliotecas, os trens espalhados pelo mundo proporcionam uma viagem inesquecível podendo fazer seus passageiros voltarem no tempo. Confira os 12 melhores:

1.Venice Simplon – Orient Express – Imortalizado pela escritora Agatha Christie, o Expresso do Oriente chegou a ter sua rota interrompida, mas hoje é possível realizar a famosa viagem de luxo, que dura 24 horas e tem como objetivo fazer os turistas mergulharem na atmosfera típica da década de 1920. Com vagões originais da época, o trem foi totalmente restaurado e, por isso, suas passagens custam entre US$ 2.500 a mais de US$6 mil, dependendo das cabines e serviços extras escolhidos.

2.Al Andalus – Com os seus vagões de 1920 recentemente renovados, este trem é sem dúvida a maneira mais fascinante para conhecer as maravilhas da Andaluzia, no sul da Espanha. Seu serviço combina com um estilo Art Deco e conta com uma culinária requintada.

3.Danube Express – Este trem de luxo privado da Europa Central transporta apenas 50 passageiros e inclui todos os serviços, desde a recepção até passeios turísticos em cada parada. A bordo, em um elegante vagão, são servidos pratos preparados com menus tradicionais. O ambiente interno é uma mistura de tecnologia moderna com mobiliário antigos. Entre os principais itinerários escolhidos está o trajeto de 9 noites que liga Budapeste a Veneza.

4.Helsinque / São Petersburgo – As ferrovias finlandesa (VR) e russa (RZD) criaram uma ” joint venture” para operar um serviço de alta velocidade que liga Helsinque a São Petersburgo. Desde 2010, os dois trens elétricos conectam as duas cidades em 3 horas e meia.

5.Trenhotel Lusitania – O trem noturno opera duas linhas e permite que o passageiro viaje de Madri a Lisboa, em menos de 11 horas, entre um copo de sangria e um prato de Jamon Iberico.

6.Papai Noel Express – Para os amantes do Natal e da neve, não há trem melhor do que o Papai Noel Express. Esta é uma viagem ao norte da Europa, que atravessa a Finlândia, partindo de Helsinque e chegando na Lapônia, em menos de 15 horas. A bordo, é possível aproveitar um vagão-restaurante e escolher entre acomodações econômicas e luxuosas.

7.Euronight Chopin – Talvez não exista uma opção melhor para fazer uma viagem entre Áustria, República Tcheca, Polônia, Alemanha, Eslovênia, Croácia e Hungria. O Euronight oferece aos turistas várias possibilidades, como assentos reclináveis, beliches de segunda classe e quartos premium, com banheiros privativos. É aconselhável reservar os bilhetes com antecedência, pois têm preço acessível.

8.Caledonian Sleeper – O trem noturno opera da estação London Euston à 5 destinos na Escócia: Edimburgo, Glasgow, Fort William, Aberdeen e Inverness. O tempo de viagem varia entre 7,5 horas e quase 13 horas. Esta é opção ideal para aqueles que pretendem evitar viagens de avião. Os trens foram reformados durante o verão de 2019, o que substituiu os vagões construídos na década de 1980.

9.Thello – Para quem quer dormir em Paris e acordar em Veneza basta viajar com o Thello. O trem noturno que liga a França e a Itália conta com beliches compartilhados e até mesmo cabines luxuosas. A viagem dura 14 horas. Se adquiridos antecipadamente, os ingressos têm custo de 44 euros.

10.Lev Tolstoy – Em homenagem a um dos maiores escritores russos, Lev Tolstoi, o trem conecta Helsinque, na Finlândia, com Moscou, a capital russa, em cerca de 15 horas. O transporte percorre mais de 1.000 quilômetros e oferece diferentes possibilidades para dormir, como suítes com banheiros privativos e beliches compartilhados. A viagem na segunda classe tem custo entre US$ 120 e US$ 150.

11.Intercités de Nuit – O trem noturno liga Paris a Briancon, nos Alpes franceses, e a Toulouse e Latour de Carol, no sul. Esta é a opção ideal para quem deseja desfrutar de paisagens exuberantes pela janela do trem.

12.Nice Moscow – O trem que atravessa a Europa continental está nos trilhos desde 2010 e conecta Nice com a capital russa, Moscou. O transporte é um dos mais longos da Europa e também faz uma escala em Berlim, Alemanha, Varsóvia e Polônia (Ansa).

Fonte: https://noticias.uol.com.br/

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 3 =